Camaçariense carrega dois bebês mortos na barriga e tenta salvar o terceiro - Camaçari Aquitem | O seu portal de notícias de Camaçari

Camaçariense carrega dois bebês mortos na barriga e tenta salvar o terceiro

Anuncio

Moradora de Camaçari no bairro da Gleba E, com 30 anos, Simone grávida de trigêmeos carrega dois bebês mortos na barriga há três semanas e não está conseguindo apoio nos hospitais do Governo do Estado da Bahia para salvar a ela e ao terceiro que ainda vive em seu ventre.
“Fazemos um apelo, caso alguém ligado a Rui Costa, governado do Estado da Bahia, ou alguém com acesso aos responsáveis pela saúde pública dos moradores ler essa matéria, tenha a misericórdia de ajudar essa mãe e a esses anjinhos e a essa criança que ainda esta na barriga da mesma. Liguem para a irmã de Simone e ajude-a.
Telefone para quem puder ajudar: 55 71 9232-8108 (Telefone da irmã de Simone)”
No diálogo com ela e o Camaçari Notícias anotou a seguinte declaração para ajudar a esclarecer aos leitores:
“Ela precisa urgentemente ser atendida na maternidade de referência para gestação de risco, maternidade Professor Maria Magalhães Neto no Pau Miúdo em Salvador.
Já fomos duas vezes e lá informam que o atendimento está restrito só a pacientes em trabalho de parto ou em estado pior que o dela, como ela está apenas com 5 meses , eles não atendem, e nem contam com a possibilidade da infecção que pode acontecer por causa das meninas mortas há 3 semanas na barriga.
Precisamos de alguém que consiga que ela seja atendida, examinada por um obstetra desse hospital, porque ela só conseguiu chegar até o enfermeiro da triagem. Ela precisa de atendimento médico e não só de enfermeiro. Na maternidade Professor Maria Magalhães Neto, foi lá que perdemos as meninas, agora nos resta tentar salvar o terceiro bebê que ainda vive e a mãe que também corre risco de morte.”
Mensagem recebida:
“Olá boa noite, minha irmã Simone esta gravida de trigêmeos e busca ajuda nos hospitais e clinicas e está sendo rejeitada, dois bebes já entraram em óbito devido a tanto descaso nos atendimentos dos hospitais, ou melhor falta de atendimento, nesta quinta – feira foi para o Hospital Geral de Camaçari com sangramento com dois bebes mortos a três semanas na barriga e o médico não quis atender, simplesmente disse que o Hospital Geral de Camaçari não pode fazer nada por ela, mandou ela ir buscar ajuda na maternidade Professor Maria Magalhães Neto, então ela foi já pela segunda vez sim porque da primeira vez foi rejeitada lá, passou 24h sentada na recepção e não foi atendida e assim as bebês morreram, agora foi novamente rejeitada, ainda tem um bebê vivo e não sabemos o que fazer.”
http://seligacamacari.com.br
Tecnologia do Blogger.