Camaçari e Dias D’Ávila têm as maiores taxas de mortes violentas da RMS - Camaçari Aquitem - O seu portal de notícias de Camaçari e RMS

Header Ads

Camaçari e Dias D’Ávila têm as maiores taxas de mortes violentas da RMS

Resultado de imagem para Camaçari
Na Região Metropolitana de Salvador, a cidade de Camaçari, com 121 homicídios, segundo o boletim diário divulgado pela Secretaria da Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), lidera o número de crimes do tipo. Em seguida, aparece Simões Filho (61), Lauro de Freitas (54), Dias D’Ávila (46), Candeias (22), Mata de São João (21), São Sebastião do Passé (12), Vera Cruz (11), São Francisco do Conde (8), Pojuca (7), Itaparica (6) e Madre de Deus (5).
Já quando se leva em consideração a taxa de homicídios para cada 100 mil habitantes, quem ocupa o primeiro lugar no ranking é o município de Dias D’Ávila, com uma taxa de 57,9 homicídios para cada 100 mil habitantes, seguido de Simões Filho (45,29), Mata de São João (45,26), Camaçari (41,4) e Lauro de Freitas (27,7). A taxa de toda a RMS foi de 35,7 mortes violentas para cada 100 mil habitantes.
A taxa de homicídios para cada 100 mil habitantes em Salvador, até 13 de junho, foi de 21,27. Os números que mostram Cajazeiras no topo do ranking também apontam os dez locais com mais homicídios. Após Cajazeiras, com 30 homicídios, aparecem Lobato (21), Águas Claras (18), São Cristóvão (17), Itapuã (16), Liberdade (16), Cosme de Farias (15), Mata Escura (15), Periperi (15) e Fazenda Grande (14).
Dos mil homicídios registrados entre 1º de janeiro e 13 de junho, a maioria foi do sexo masculino e tinha entre 18 e 24 anos. A maior parte dos crimes aconteceu em dias de domingos e no mês de janeiro. O dia 15 de janeiro teve o maior número de mortes (15). Apenas 2 de abril não teve registros.
Em nota, a Secretaria da Segurança Pública esclareceu que “os dados  apresentados no boletim não são consolidados, além de não estarem classificados de acordo com o Código Penal brasileiro, não podendo, dessa forma, serem considerados, unicamente, homicídios”.

Fonte: Mapelenews
Tecnologia do Blogger.