Suzane Von Richthofen deixa presídio em saída temporária de Dia das Mães - Camaçari Aquitem | O seu portal de notícias de Camaçari

Suzane Von Richthofen deixa presídio em saída temporária de Dia das Mães

Anuncio
Suzane Von Richthofen, condenada em 2006 a 39 anos de prisão pela morte dos pais, foi liberada na manhã desta sexta-feira (12) da Penitenciária Feminina Santa Maria Eufrásia Pelletier, em Tremembé (SP), para saída temporária do Dia das Mães, como benefício concedido aos presos do regime semiaberto que tem bom comportamento. 
Ela deixou a penitenciária por volta das 8h desta manhã e foi buscada pelo namorado em um carro com placa do município de Angatuba (SP). Ele a esperou do lado de fora da guarita da cadeia e a cumprimentou com um beijo. O endereço de estadia de Suzane foi previamente informado à Justiça, mas não foi divulgado.

Assim como Suzane, outras detentas também deixaram o local para saída temporária. O retorno à penitenciária está previsto para a próxima quarta-feira (17).
No ano passado, Suzane, que em outubro de 2015 conseguiu sair do regime fechado para o semiaberto, também deixou a cadeia temporariamente para o Dia das Mães. Seu primeiro benefício foi a saída temporária para a Páscoa, em março de 2016.
O crime ocorreu em 2002, e condenou em 2006 os irmãos Daniel e Cristian Cravinhos de Paula e Silva, e Suzane Von Richthofen pela morte dos pais dela, a psiquiatra Marísia e o engenheiro Manfred.
Tecnologia do Blogger.