"Minha mãe é tudo pra mim", diz agressor de idosa - Camaçari Aquitem - O seu portal de notícias de Camaçari e RMS

Header Ads

"Minha mãe é tudo pra mim", diz agressor de idosa

“Minha mãe é tudo pra mim”. É esta a declaração de Roberto Elísio Coutinho, o bacharel em direito que foi flagrado agredindo e ameaçando a mãe, idosa de 84 anos, em vídeos que circulam nas redes desde a noite desta quinta-feira (25). A entrevista foi concedida na manhã de hoje ao jornalista Macial Lima, da Rádio Mirante AM.

Roberto admitiu as agressões – segundo ele esporádicas -, alegando ser esquizofrênico. Ele diz estar arrependido de não ter buscado tratamento antes. “Me arrependo de não ter me tratado antes. A pessoa nunca quer admitir que está doente”, comentou. Ele disse ainda que não agride a mãe a todo momento, declarando que as agressões aconteceram apenas nos momentos da gravação, e que deixou o trabalho há anos para cuidar da idosa.

Para ele, a mãe e o falecido pai são as pessoas mais importantes de sua vida. “As pessoas mais importantes da minha vida são meus pais. Meu pai morreu há 20 anos e minha mãe tem 82 anos. Entenda uma coisa. Eu reconheço o erro e estou explicando para que isso não ocorra mais, o que vou fazer é me internar para ser tratado e a guarda dela vai ficar com meu filho”, comentou.

ENTENDA O CASO
Na noite desta quinta-feira (25), vídeos de um homem, até então não identificado, começaram a circular nas redes. Nas gravações, foram flagradas agressões físicas e verbais e ameaças contra uma idosa de 82 anos.
O homem foi identificado, posteriormente, como Roberto Elísio Coutinho. Ele proferiu ameaças como: “se tu abrir a boca de novo eu vou dar na tua cara e dou na tua cabeça pra tu desmaiar” e “nem pra tu morrer logo, né?”. Roberto ainda aparece nos vídeos ameaçando a mãe com um espremedor de alho e uma pequena barra de ferro.


O caso já está sendo acompanhado pelas autoridades. A idosa foi encaminhada ao IML, e a Delegacia do Idoso trabalha junto à guarnição de policiais para prender o agressor.
Tecnologia do Blogger.