'Gordinha ou magra, quero continuar sendo bem resolvida', diz Marília Mendonça - Camaçari Aquitem - O seu portal de notícias de Camaçari

'Gordinha ou magra, quero continuar sendo bem resolvida', diz Marília Mendonça

A cantora goiana Marília Mendonça, 21 anos, não tem pudor em dizer que já foi traída. Suas letras, inclusive, dizem que o que realmente importa: “é saber se você faz amor comigo como faz com ela”. A sofrência está em suas músicas porque “não adianta ser traída e cantar sobre príncipe”, diz ela. A balada com as amigas e a volta por cima também marcam seu trabalho e há quem diga que a cantora é uma versão feminina do sertanejo Wesley Safadão.
Uma das artistas mais queridas de sua geração, Marília Mendonça traz seu repertório para Salvador no dia 13 de maio, quando participa da Festa das Patroas com a dupla Maiara & Maraisa. Enquanto o show não chega no Wet’n Wild, porém, o público pode assistir uma prévia no segundo DVD de Marília Mendonça, Realidade - Ao Vivo em Manaus, lançado pela Som Livre também em CD.
Gravado em outubro de 2016, o show reflete o sucesso da cantora sertaneja que um ano antes gravava seu primeiro DVD para cerca de 30 pessoas, no Pará, aos 19 anos. Desta vez, apenas um ano depois da estreia, a voz de hits como Infiel, Como Faz Com Ela e Alô Porteiro é recebida por mais de 40 mil pessoas, no Sambódromo de Manaus, que cantam em coro cada letra.
Marília entra no palco com os olhos brilhantes e úmidos, respira fundo e se mantém uns segundos em silêncio, só observando os fãs eufóricos. “Nossa, não consigo descrever o que senti no dia, uma mistura de emoção, frio na barriga, gratidão, medo, coragem (risos). Era tudo muito louco, parecia um sonho!”, conta a cantora , ao CORREIO.
Para ela, o show registrado em seu novo DVD pode ser resumido como “uma noite de princesa”, já que começou muito cedo na música e, aos 15 anos, momento de debutante das meninas, ela estava sendo gravada pela primeira vez, já conhecida como compositora. “Me envolvi de cabeça com a música e estar naquele palco imenso, cheio de gente me vendo, torcendo por mim, foi uma noite de princesa mesmo”, reforçou.

Vida realNo making of do DVD, que reúne 18 músicas da carreira de Marília, uma frase explica o título do álbum: “antes de sonhar, você deve acreditar, porque é assim que os sonhos se tornam realidade”. Reunida com sua equipe no camarim, antes do show, Marília agradece a participação de todos aqueles que tornaram seu sonho possível.
Afinal, sua carreira começou em 2015, de forma despretensiosa, e em pouco tempo alcançou outro patamar. “Não imaginava isso, nem no meu melhor sonho eu imaginava! Sempre quis que a música estivesse na minha vida, eu amo cantar, amo escrever e, honestamente, estou adorando cada momento que Deus tem me proporcionado, sem esquecer da generosidade dos meus fãs. Se não fossem eles, nada disso seria possível”, comemora em entrevista ao CORREIO.
Na opinião da cantora, um dos motivos que justificam seu sucesso é que suas composições refletem os relacionamentos contemporâneos. “Busco a realidade dos relacionamentos e, na maioria das vezes, a mulher se encontra em uma situação de inferioridade. Por isso, eu canto o que elas vivem, mas com uma visão de viver, não de se conformar. Nas minhas músicas tem a sofrência sempre, mas tem a bebida, as amigas, a balada, a amante, tem tudo de uma forma bem real”, explica.
Tecnologia do Blogger.