Após ser protegido de agressores, preso foge da Colônia Penal de Simões Filho - Camaçari Aquitem - O seu portal de notícias de Camaçari e RMS

Header Ads

Após ser protegido de agressores, preso foge da Colônia Penal de Simões Filho


Foi divulgada na noite desta sexta-feira (7), a fuga do interno da Colônia Penal de Simões Filho, ocorrido no último dia 25. Segundo o Sindicato dos Servidores Penitenciários (Sinspeb), a unidade prisional é destinada ao regime semiaberto, porém custodia 100 presos provisórios em regime fechado e mais 164 do regime semiaberto, dos quais 147 continuam cumprindo pena em regime fechado por não terem estrutura que propicie o trabalho.

Ainda segundo informações da Sinspeb, Joanderson Carvalho é reincidente. Já foi preso por assalto a mão armada, depois por tráfico de entorpecentes e é integrante de uma facção criminosa e foi colocado no pavilhão B composto por integrantes de uma facção rival. Joanderson foi expulso pelos inimigos e em seguida colocado no pavilhão A, onde também foi hostilizado.

O sindicato diz que para amenizar o problema a administração da colônia, ao saber que Joanderson era soldador, colocou uma farda azul no interno e ele passou a trabalhar na unidade. Após soldar ferragens de toda unidade durante 15 dias, o interno fugiu livremente, pois a unidade não tem muro. Por ser próxima de gasodutos, é proibido ter muros na unidade e de funcionar como regime fechado pelo Ministério Público do Estado (MPE).
Tecnologia do Blogger.