Por indisciplina, Renato Cajá é cortado do treino e após afastamento pode ser demitido do Bahia - Camaçari Aquitem - O seu portal de notícias de Camaçari

Por indisciplina, Renato Cajá é cortado do treino e após afastamento pode ser demitido do Bahia


Mesmo com o contrato se encerrando somente no final do ano, o meia Renato Cajá está em situação bastante complicada no Bahia. Se o rendimento em campo já não era bom, o ato de indisciplina na partida contra o Fortaleza pode sacramentar a sua saída antecipada do Fazendão.

Ao se recusar a entrar em campo após ser chamado por Guto Ferreira no final do segundo tempo, Cajá foi pauta de reunião da diretoria do clube na tarde desta quinta-feira (23). A princípio, ele deve ser afastado e o primeiro indício ocorreu na reapresentação do elenco, em que o jogador ficou apenas na academia e não desceu para o campo como seria o normal, já que não atuou contra o Fortaleza. 

A cúpula tricolor considera a rescisão de contrato, mas esbarra no alto salário do jogador que gira em torno de R$ 300 mil e é o maior entre todos os jogadores do elenco. A tendência é que o clube tente um acordo com o atleta e seu empresário para tentar definir a sua saída.
Tecnologia do Blogger.