Polícia da Bahia apura se ciganos mortos foram vítimas de latrocínio - Camaçari Aquitem - O seu portal de notícias de Camaçari e RMS

Header Ads

Polícia da Bahia apura se ciganos mortos foram vítimas de latrocínio


A Polícia Civil apura se o homem de 52 anos, a mulher dele, de 48, e o filho do casal, de 22, mortos em casa no centro da cidade de Conceição da Feira, a cerca de 100 quilômetros de Salvador, foram vítimas de um latrocínio (roubo seguido de morte).

O crime ocorreu por volta das 2h da madrugada desta quinta-feira (2) e teria sido cometido por três homens que chegaram ao local armados e encapuzados. Os suspeitos ainda não foram identificados.

As vítimas foram Jeovânio Lima da Costa, de 52 anos, Eluzia Almeida da Costa, 46, e William Almeida da Costa, 22. Uma menina de cinco anos, que é filha de William e que presenciou o crime, foi poupada pelos criminosos e não se feriu.

A suspeita de latrocínio foi levantada pela polícia porque, conforme a investigação, os criminosos teriam entrado no local e exigido que lhes fossem entregue dinheiro. Depois de atendidos, os criminosos executaram os três e ainda levaram armas encontradas na casa.

Outras hipóteses , no entanto, ainda não foram descartadas. De acordo com o delegado Augusto Saldanha, titular da Coordenadoria de Polícia Civil do Interior (Coorpin/Santo Amaro), que apura o caso, os investigadores procuram levantar informações sobre os últimos dias da família, toda de agricultores, para saber se houve algum tipo de conflito com outras pessoas da região que possa ter motivado o crime.
Tecnologia do Blogger.