No interior do Acre, sucuri de mais de 4 metros é capturada em igarapé - Camaçari Aquitem | O seu portal de notícias de Camaçari

No interior do Acre, sucuri de mais de 4 metros é capturada em igarapé

Anuncio

Banhistas da cidade de Tarauacá, a 400 km de Rio Branco, passaram por um sufoco na tarde desta terça-feira (28). O grupo de pessoas encontrou uma cobra sucuri de aproximadamente 4,20 metros em um igarapé conhecido como 'Banho do Boeirinha', localizado no km 1 da BR-364, sentido ao município de Feijó, interior do Acre.

Uma equipe do Corpo de Bombeiros do Acre foi acionada pelos banhistas. O sargento do Corpo de Bombeiros Diego Soares disse que foram necessários três bombeiros para transportar o animal até a viatura. A cobra foi imobilizada, antes da chegada dos bombeiros, pelos banhistas.

Apesar de não ser venenoso, Soares disse que as pessoas ficaram assustadas com o tamanho do animal, que pesava cerca de 80 quilos. "Quando a gente chegou, ela estava na beira do lago. Tinham retirado. Não é nada comum. Na nossa regional não", ressaltou.

Por não ter zoológico e nem parque ambiental no município, o bombeiro falou que o animal foi solto dentro do Rio Tarauacá."Lugar mais apropriado para soltar ela, tendo em vista que aqui em Tarauacá não tem nenhum parque ou zoológico que cuide desses animais", destacou.

A bióloga Joseline Guimarães explicou que o certo era não ter retirado o animal do local. Ela diz que, possivelmente, a cobra estava à procura de alimentos e se deslocaria sozinha da região. Assim como outros répteis, a bióloga ressalta que as cobras também têm uma função importante.

"Essas cobras são bem grandes. Os répteis de forma geral crescem a vida toda. Quando maior o animal mais velho é. O crescimento é pouco durante o ano. Crescem, mas é devagar. Deveria está se deslocando e deu azar de ter gente. Ainda bem que não machucaram", acrescentou.

Tecnologia do Blogger.