Mais de 20 navios estão naufragados nas praias de Salvador e são atrações para mergulho - Camaçari Aquitem - O seu portal de notícias de Camaçari e RMS

Header Ads

Mais de 20 navios estão naufragados nas praias de Salvador e são atrações para mergulho


Além de toda a beleza encontrada no fundo dos oceanos, muitos são os mistérios que rondam as profundezas do mar e muitos são aqueles destemidos que desejam desvendar estes mistérios. Peixes pequenos, grandes, algas marinhas, estrelas do mar, corais e, por que não, navios?

Normalmente, estes navios traziam especiarias, piratas, membros da corte portuguesa e escravos. E muitos mitos circundam as histórias dos navios naufragados. Um dos sumiços mais misteriosos, segundo acreditam alguns historiadores, talvez seja o do Galeão Santa Clara, naufragado em 1573 e, segundo reza a lenda, trazia ouro em seu convés.

Na Bahia, cerca de 200 embarcações, entre naus, caravelas e cargueiros já naufragaram desde o período da colonização até os dias de hoje, e, só na Baía de Todos os Santos, são mais de 20 pontos com naufrágios.

De acordo com Patrícia Sampaio, funcionária da empresa Dive Bahia, Salvador oferece muitas opções de mergulho, sejam dos mais básicos aos mais avançados. “Perto do Farol da Barra, do Cristo da Barra, na Cidade Baixa… Têm muitos navios de todas as épocas, do tempo da colonização até 1998, quando foi afundado um navio chinês”, conta.


Patrícia ainda explica que qualquer pessoa pode fazer o mergulho, mesmo que nunca tenha mergulhado antes. “Quem nunca mergulhou faz um cursinho de instrução e pode já mergulhar no naufrágio, que a gente chama de batismo. E tem o nível avançado, que mergulham em pontos de maior profundidade”, esclarece.

Segundo Patrícia, a empresa que ela trabalha já possui uma clientela fixa, com clientes que chegam a aparecer até mais de duas vezes por mês para fazer mergulhos. “E nessa época do ano, no verão, a gente sempre recebe muito turista da Europa e argentino”, ressalta.

Para mergulhadores credenciados, os valores podem variar de R$ 220 a R$ 340. Já para aqueles clientes que não possuem credenciamento, os valores variam de R$ 150 a R$ 250. Caso o mergulhador não tenha equipamento, a empresa pode alugar ou vender.

Tecnologia do Blogger.