Mãe e filho que viviam como marido e mulher são condenados por incesto e obrigados a se separar, nos EUA - Camaçari Aquitem - O seu portal de notícias de Camaçari e RMS

Header Ads

Mãe e filho que viviam como marido e mulher são condenados por incesto e obrigados a se separar, nos EUA


A americana Monica Mares, de 36 anos, e o filho dela, Caleb Peterson, de 19, foram condenados pelo crime de incesto por um júri da cidade de Clovis, no Novo México, nos Estados Unidos. O casal, que foi assunto na imprensa internacional quando os dois assumiram o relacionamento, terá agora que se separar e ficar sem contato.

De acordo com a rede de televisão americana NBC News, Monica e Peterson se declararam culpados da acusação para conseguirem um acordo judicial e, assim, não ficarem presos. A condenação poderia chegar a 18 meses de detenção.

Por ordem do juiz, divulgada na última quarta-feira, eles devem ficar um ano e meio sem se comunicar e serão acompanhados de perto por autoridades. Depois, deverão ficar mais um ano e meio sem nenhum contato, mas sem acompanhamento.

Monica e Peterson decidiram assumir a relação no ano passado para trazer à tona o que chamaram de "atração genética sexual", após serem denunciados à polícia por um vizinho que descobriu o envolvimento entre eles.

Mãe de nove filhos, Monica entregou Caleb para adoção quando ele era apenas um bebê. Mas, em 2015, segundo eles, os dois começaram a se envolver como casal poucas semanas após seu reencontro.

Ainda por ordem judicial, Monica terá de ficar sem contato com seus demais filhos, enquanto cumpre a sentença. O juiz decidiu não prender mãe e filho porque nenhum dos dois tinha passagem pela polícia. Além disso, o magistrado sugeriu que eles procurem ajuda psicológica enquanto cumprem a pena em liberdade.
Tecnologia do Blogger.