Juiz absolve acusado de estupro afirmando que ele não tinha “intenção sexual” - Camaçari Aquitem - O seu portal de notícias de Camaçari

Juiz absolve acusado de estupro afirmando que ele não tinha “intenção sexual”

ads

Na última segunda-feira (27), um juiz do México absolveu um jovem, acusado de estupro, alegando que ele não tinha “intenções sexuais”.

Diego Cruz Alonso, 21, foi acusado de ter penetrado com os dedos a vagina de uma menina de 17 anos, após uma festa, em janeiro de 2015, mas o juiz Anuar Gonzales Hemadi considerou que ele “não satisfez seu apetite sexual”.

Segundo informações veiculadas na imprensa, Diego faz parte de uma família de classe alta, filho de importante empresário da região, que possui diversas conexões políticas.
Tecnologia do Blogger.