Bombeiros resgatam cadela presa em fenda de pedra após 10 horas de trabalho em SC - Camaçari Aquitem - O seu portal de notícias de Camaçari e RMS

Header Ads

Bombeiros resgatam cadela presa em fenda de pedra após 10 horas de trabalho em SC


Em uma operação de resgate que mobilizou bombeiros e moradores em Balneário Camburiú, Santa Catarina, a cadela Belinha, uma vira-lata que estava desaparecida há dez dias, foi resgatada após ser encontrada presa numa fenda em uma enorme pedra na Praia de Taguarinhas. Foram mais de oito horas de trabalho, que terminaram com muita emoção quando o animal foi retirado sem ferimentos.

Segundo o sargento Marcus Vinicius Abre, que comandou o resgate, a dona da cadela estava procurando por seu animal de estimação há dez dias, quando ela sumiu sem deixar pistas. Há quatro dias, moradores da área começaram a ouvir os uivos do animal, mas não conseguiam localizar de onde o barulho estava saindo. Nesta quarta-feira, o Corpo de Bombeiros foi acionado e localizou Belinha.

— Fomos até o local, mas vimos que ela estava num lugar de difícil acesso e bastante debilitada. Chegamos por volta das 10h e tivemos muita dificuldade. Foi um resgate complicado, porque o local era muito estreito, e, do jeito como ela estava presa, poderíamos machucá-la — disse o sargento.

Os bombeiros ficaram até às 18h montando um plano para retirar o animal. O jeito, segundo Marcus Vinicus, foi encontrar alguém magro o bastante para se esgueirar entre as pedras:

— Chegou um rapaz mais magro, que conseguiu alcançar a cadela. Fizemos uma amarração nas patas da Belinha e passamos um cobertor ao redor do seu corpo. Assim, conseguimos começar a mexer nela e, aos poucos, puxar. Somente às 20h35 de quarta-feira conseguimos retirá-la.

Um vídeo feito pelos bombeiros mostra o grupo de pessoas envolvidas no resgate, além da emoção de todos quando a assustada Belinha foi salva. Segundo Marcos Vinicius Abre, a cadela não ficou ferida, mas estava debilitada depois de ficar dias sem se alimentar. O animal foi levado a um veterinário e, agora, passa bem.
Tecnologia do Blogger.