Alagoinhas reforça combate a febre amarela após morte de macacos - Camaçari Aquitem - O seu portal de notícias de Camaçari

Alagoinhas reforça combate a febre amarela após morte de macacos

Anuncie aqui 71 993179391

Macacos monitorados, vacinação reforçada e combate ao aedes aegypti são algumas das ações que estão sendo realizadas em Alagoinhas, cidade localizada a 120 km de Salvador, após a confirmação do primeiro caso de febre amarela em macacos. O anúncio foi feito pelo secretário estadual da saúde, Fábio Vilas-Boas nesta terça-feira (7), durante uma visita ao município.

Cem mil doses das vacinas já foram encaminhadas para Alagoinhas e para o município vizinho de Araças. A recomendação é que toda população urbana e da zona rural dos dois municípios seja vacinada. Em Alagoinhas, os moradores fizeram filas nos postos de saúde, nesta terça, para serem imunizados.

Em algumas praça da cidade, agentes de saúde aplicaram a dose em moradores. Também houve filas. Em um dos pontos de vacinação nas ruas, só no período da manhã, 122 pessoas foram vacinadas. Idosos com mais de 60 anos, gestantes, pessoas doentes e quem já foi vacinado não pode ser imunizado.

Conforme a Secretaria da Saúde da Bahia (Sesab), ações preventivas no combate ao vírus da febre amarela na região também já começaram a ser realizadas. Entre elas estão a utilização de inseticidas para a redução do número de mosquitos nas áreas urbanas e rurais, sobretudo o aedes aegypti.

A febre amarela é uma doença infecciosa grave. Gera sintomas como febre alta, cansaço, dores de cabeça e muscular, náuseas, vômito, olhos e pele amarelados e pode causar a morte. A transmissão é feita por mosquitos nas áreas urbanas e rurais.
Tecnologia do Blogger.