Prouni oferta mais de 214 mil bolsas para estudantes; inscrições começam terça (31) - Camaçari Aquitem | O seu portal de notícias de Camaçari

Prouni oferta mais de 214 mil bolsas para estudantes; inscrições começam terça (31)

Anuncio

Quem deseja ingressar no ensino superior através do Programa Universidade para Todos (Prouni) terá ainda mais chances este ano. Com 214.110 bolsas ofertadas para estudantes de todo o país, o programa registra o maior número desde sua criação, em 2004. As inscrições para o processo seletivo começam à meia noite da próxima terça-feira (31) e encerram às 23h59 (horário de Brasília) do dia 3 de fevereiro. Na Bahia, são 13.049 bolsas, sendo 5.483 integrais e 7.566 parciais. 

Em Salvador, há oferta de vagas em 126 cursos em 33 instituições. No curso de medicina, por exemplo, há 17 vagas para estudantes cotistas e cinco vagas em ampla concorrência através da Universidade Salvador (Unifacs). Na Faculdade de Tecnologia e Ciências (FTC) há mais duas vagas em ampla concorrência e sete para cotistas. Em Direito, há oferta em 13 instituições na capital. A que mais oferece vagas é Universidade Católica do Salvador (Ucsal), com 29 bolsas para cotistas e 9 para ampla concorrência.

Já em Engenharia Civil, o número de bolsas ofertadas é maior. Somente na Área 1 - Faculdade de Ciência e Tecnologia, são 40 vagas para ampla concorrência no turno matutino e mais 30 no noturno, também para ampla concorrência. Os estudantes já podem fazer a pesquisa de vagas através do site.

Do total de bolsas no país, 103.719 são integrais e 110.391 parciais – nas quais o governo federal assume 50% da mensalidade. Assim como no Sistema de Seleção Unificada (Sisu), para ter acesso ao site do programa, o candidato deve informar o número de inscrição e a senha usados no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2016. É possível escolher até duas opções de curso, selecionando a ordem de preferência. As inscrições serão feitas exclusivamente pela internet através do site.

Requisitos


Podem concorrer às bolsas os estudantes que ainda não têm diploma de curso superior e que tenham alcançado pelo menos 450 pontos na média global do Enem e não tenham zerado a redação. É preciso ter cursado o ensino médio em escola pública ou, na condição de bolsista integral, na rede particular. Também é necessário comprovar renda familiar de até um salário mínimo e meio para ter direito à bolsa integral e de até três salários mínimos para a parcial. Podem participar ainda as pessoas com deficiências e professores do magistério da rede pública que integrem o quadro permanente da instituição de ensino e desejem fazer cursos de licenciatura. Nesse último caso, não há requisitos de renda.

O resultado da primeira chamada será divulgado no dia 6 de fevereiro. O prazo para comprovação das informações fornecidas nesta chamada será do dia 6 até o dia 13 de fevereiro. No dia 20 de fevereiro, é a vez do resultado da segunda chamada. A comprovação dos dados desta chamada acontecerá entre os dias 20 e 24 de fevereiro. O prazo para participar da lista de espera é entre os dias 7 e 8 de março. O comparecimento dos candidatos para a entrega da documentação acontece nos dias 13 e 14 de março.

Bolsas


No ano passado, foram ofertadas 203.602 bolsas, 10.508 a menos que este ano. O Prouni concede bolsas de estudo integrais e parciais em cursos de graduação em instituições privadas de educação superior. Desde sua criação, o programa já atendeu mais de 1,9 milhão de estudantes no país.

O ministro da Educação, Mendonça Filho, destacou que o aumento de vagas no ProUni é a ampliação de oportunidades para os estudantes conquistarem bolsas de ingresso na educação superior. “Todas as políticas públicas colocadas à disposição dos jovens brasileiros, em especial na área da educação superior, estão preservadas e ampliadas”, afirmou.
Tecnologia do Blogger.